VÍDEO: vítima de queda e do ‘descaso’ passa horas esperando socorro em Paço do Lumiar

Foto Reprodução

Descaso grande com a vida humana em Paço do Lumiar. Nesta sexta-feira (9), uma senhora tropeçou em um buraco e caiu em uma via pública no bairro Maiobão. Ela sofreu uma grave lesão e sentindo fortes dores, ficou durante quase duas horas deitada sobre um papelão à espera de uma ambulância do SAMU para ser conduzida até uma unidade de saúde.

De acordo com relatos de moradores da localidade, o município está sem serviço de socorrista para atender a população.

A administração da prefeita Paula da Pindoba precisa tomar uma atitude e dar o mínimo de dignidade aos luminenses que sofrem com a má gestão do município.

Confira nas imagens a seguir:

Destino de R$ 4,9 milhões da Covid-19 enviados à Paço, sob Paula da Pindoba, é desconhecido

Paula Azevedo

A Prefeitura de Paço do Lumiar, sob a gestão de Maria Paula Azevedo Desterro, a Paula da Pindoba (PCdoB), tem até a próxima semana para informar ao TCE (Tribunal de Contas do Estado) do Maranhão onde foi parar exatos R$ 4.989.170,11 destinados pela União ao município para ações de enfrentamento à pandemia da Covid-19.

O valor corresponde à soma dos montantes ocultados em 2020 e 2021, levantados por técnicos da corte a partir do cruzamento de dados dos portais da transparência de Paço e do governo federal com informações do sistema de acompanhamento de contratações públicas do tribunal, o Sacop.

Segundo o levantamento, do total de R$ 7.741.899,72 enviados à Paço do Lumiar pelo governo Jair Bolsonaro (sem partido) no ano passado, para uso exclusivo no combate ao novo coronavírus, o destino de apenas R$ 1.977.041,18 foi informado à corte de Contas pelo Sacop, o que representa apenas 25,54% do dinheiro público federal recebido.

Já neste ano, até a data do levantamento, nenhum centavo dos R$ 775.688,43 destinados ao município para ações de saúde contra a doença foi tornado público.

Segundo balanço epidemiológico da prefeitura, até o último dia 25, data da atualização mais recente, 2.353 pessoas já foram infectadas e 193 morreram em decorrência da Covid-19 em Paço do Lumiar.

Independentemente da gestão Paula da Pindoba informar ou não ao TCE do Maranhão o destino dado aos recursos federais, a ocultação deve ser compartilhada com demais órgãos integrantes da Rede de Controle, como Polícia Federal. Em paralelo, a Câmara de Vereadores também pode abrir investigação contra a prefeita.

No âmbito do Ministério Público do Maranhão, já houve o ajuizamento de ação por improbidade para que a Justiça obrigue a gestão municipal a divulgar, detalhadamente, os valores orçamentários e a execução das despesas relacionadas ao enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Paula da Pindoba assumiu o comando dos cofres de Paço do Lumiar pela primeira vez em agosto 2019, em substituição ao então prefeito Domingos Dutra (PCdoB), vítima de um AVC (Acidente Vascular Cerebral). À época, chegou à visitar o MP maranhense para denunciar falta de transparência de Dutra e à determinar uma varredura em documentos e contratos do município, mas nunca apresentou o resultado prévio nem final do relatório. Em 2020, ela foi reeleita com 46,85% dos votos.

Do ATUAL 7

Decisão do STF abre precedente para questionar BRK em Paço e Ribamar

BRK Ambiental. Foto Reprodução

Decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, proferida nesta quarta-feira (23/06), numa Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) interposta pelo Partido Progressista (PP) questionando o contrato de concessão de serviços de água e esgoto na Região Metropolitana de Maceió (AL), pode abrir precedente para ação contra a mesma concessionária que é responsável pelos serviços de água e esgoto nos municípios de Paço do Lumiar e São José de Ribamar, ambos localizados na Região Metropolitana de São Luís.

No caso do contrato alagoano, Fachin deu prazo de dez dias, a contar do dia 18 de junho, para obter detalhes da proposta contratual que será executado pela BRK, uma das maiores empresas privadas de saneamento básico do Brasil.

Na ação, a legenda pede que R$ 2 bilhões oriundos do leilão dos serviços, ainda prestados pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), sejam depositados em conta judicial. A reportagem tentou confirmar detalhes do envio de dados por parte do governo para o relator Edson Fachin, mas até o fechamento desta edição, mas ainda não tivemos acesso aos dados.

Desde o início do ano o contrato da BRK Ambiental é alvo de judicialização. Em uma das ações, dentre outras coisas, a Lei Complementar Estadual n° 50/2019, que criou o Sistema Gestor da Região Metropolitana (RRM), aprovada na Assembleia Legislativa de Alagoas, chegou a ser contestada. Mas, na Justiça alagoana, a ação não avançou.

Ao relatar o processo, o desembargador Domingos de Araújo Lima Neto disse em seu despacho que mesmo os serviços sendo de responsabilidade das cidades, há necessidade de ação conjunta, ou seja, envolvendo o Estado que representou o coletivo das cidades. Deste modo, ele analisou não existir incompatibilidade entre a autonomia municipal e o interesse comum dos municípios integrantes da região metropolitana.

No caso do Maranhão, ocorreu ao inverso: mesmo os serviços sendo de responsabilidades da CAEMA – Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão, na época, não houve discussão na Assembleia Legislativa e o contrato, envolvendo apenas dois dos municípios da região, por exemplo, só ocorreu depois de aprovação de leis nas Câmaras Municipais onde foi possível criar o Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico (Cisab), formado pelos municípios de Paço do Lumiar e São José de Ribamar. O contrato inicial foi firmado com a Odebrecht, mas de forma suspeita e questionável, foi repassado à BRK.

A decisão de Fachin ocorreu um dia depois da Câmara ribamarense realizar audiência pública para buscar soluções diante das principais queixas dos consumidores contra a concessionária responsável pelos serviços de água e esgoto no município. Curioso é que assim como em Alagoas, a companhia também esconde o contrato que pode ser alvo de contestação também no Maranhão.

MARANHÃO DE VERDADE

Prefeitos de Raposa, Ribamar e Paço estreitam relações e discutem problemas

Eudes, Julinho e Paula Azevedo

Os prefeitos de três municípios da Ilha de São Luís reuniram-se nesta semana no que pode ser o embrião de um consórcio metropolitano de fato.

Dr. Julinho, de São José de Ribamar; Paula da Pindoba, de Paço do Lumiar; e Eudes Barros, de Raposa, debateram num café da manhã soluções integradas para problemas da região.

O objetivo é estreitar relações administrativas e discutir em conjunto ações para os municípios da Região Metropolitana.

Tem novidade vindo por aí…

Do Gilberto Léda

Pará Figueiredo reafirma compromisso com Paço e Ribamar e solicita R$ 1 milhão em asfalto

Pará Figueiredo

O deputado estadual Pará Figueiredo deu mais uma vez sinais do seu comprometimento com os municípios de Paço e São José de Ribamar.

Através dos Ofícios nº 034 e 035/2020, encaminhados ontem (17) à Secretaria de Comunicação Social e Assuntos Políticos (SECAP), o parlamentar solicitou liberação de aporte financeiro, de autoria do próprio deputado, para que fossem enviados R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais), via transferência direta, para cada um dos municípios, totalizando o valor de R$ 1 milhão.

O recurso será aplicado em obras de asfaltamento, o que por si só já é um “gás” inicial no quesito infraestrutura nos primeiros dias de mandato tanto de Dr. Julinho, em Ribamar, como em Paço, onde Figueiredo foi a peça fundamental na eleição de Paula.

Ofício 034. Foto Reprodução
Ofício 035. Foto Reprodução

TRE acaba com discurso de adversários em Paço e defere candidatura de Fred Campos

Fred Campos

A Justiça Eleitoral de Paço do Lumiar deferiu a candidatura a prefeito de Fred Campos (PL), nesta sexta-feira (13). A decisão partiu da 93ª Zona Eleitoral que acolheu integralmente o recurso do candidato representante da Coligação Coragem pra Mudar.

Veja a decisão na íntegra: 0600272-71.2020.6.10.0093

FRED LIDERA EM PAÇO DO LUMIAR

Fred Campos

A pesquisa realizada pelo Instituto Prever, nos dias 20 a 22 de outubro, em vários bairros do município de Paço do Lumiar, mostra um cenário nada novo nas eleições locais.

Disparado na frente, Fred Campos possui 31,3% da das intenções de voto, enquanto Paula Azevedo amarga apenas 23,9%, ficando em segundo lugar, mesmo com todo aparato da máquina governamental.

Abaixo e sem chances, seguem os outros candidatos, Karla Maria e Francisco Neto aparecem com 1,7%, em seguida Gilberto Aroso com 1,4%, mostrando sua baixa capacidade nas eleições 2020.

A pesquisa mostra também a rejeição dos candidatos. Gilberto Aroso e Paula Azevedo são os mais rejeitados no município de Paço do Lumiar.

Ao ser perguntando quem o luminense acredita ser o próximo prefeito, Fred Campos aparece com 48,7%.

O cenário da Prever mostra o que todas as pesquisas já apresentaram ao longo do ano de 2019: que a eleição de Paço do Lumiar não apresentará grandes surpresas, já que Fred vem despontando em todas.

Pesquisa em Paço do Lumiar

URGENTE: Gilberto Aroso desiste de candidatura em Paço do Lumiar

Gilberto Aroso abdica de candidatura em Paço do Lumiar

Em carta aberta, divulgada nesta sexta-feira, 23 de outubro de 2020, Gilberto Aroso anunciou desistência da candidatura a prefeito de Paço do Lumiar. Confira a abaixo.

Aroso informou que já protocolou o pedido de desistência do pleito municipal de 2020 à Justiça Eleitoral.

Foto Reprodução

Prefeita de Paço do Lumiar é impugnada e deve ficar fora da disputa eleitoral

Paula Azevedo

A situação da prefeita interina e candidata à reeleição, Paula Azevedo (PCdoB), a cada dia que passa fica mais complicada e a Justiça Eleitoral em breve deve dar o parecer em relação ao processo de impugnação de Nº 0600271-86.2020.6.10.0093, um dos principais motivos que devem tirar o sono da chapa comunista e pesedebista em Paço do Lumiar.

A falta de transparência sobre gastos de recursos federais com a pandemia, fato que tem dado prisões a chefes dos executivos em todo o Brasil, onde Paço do Lumiar recebeu em torno de R$ 10,5 milhões em recursos, um ato gravíssimo que inclusive já foi noticiado no site Maiobão TV, onde a Promotoria de Justiça do município abriu inquérito com mais de 300 páginas para apurar possíveis crimes contra o erário público.

Um outro fato curioso sobre o pedido de impugnação foi a omissão de bens nas declarações das rendas dos membros da chapa majoritária, a prefeita Paula omitiu o patrimônio com valor aproximado de R$ 340 mil, declarado nas eleições de 2016 e o postulante a vice, Inaldo Pereira que também sonegou em sua declaração de renda a icônica Pajero modelo TR4 de cor preta, adquirida às vésperas das eleições de 2018.

Com isso, o sinal de alerta paira sobre a coordenação da campanha da prefeita interina, que terão que se preocupar com mais um processo para se defender na Justiça.

Processo Judicial Eletrônico Zona Eleitoral

Paço do Lumiar: Fred Campos recebe apoio de pastores da Assembléia de Deus

Fred Campos (PL)tem recebido grandes adesões ao seu projeto para administrar Paço do Lumiar
Fred Campos (PL)tem recebido grandes adesões ao seu projeto para administrar Paço do Lumiar

No último domingo (20), na sede da Igreja Assembléia de Deus no Maiobão, Fred Campos reúniu com todos os pastores do pólo Maiobão. O anfitrião do encontro foi o pastor Reginaldo, ladeado pelos pastores Jackson Douglas, coodenador da Comissão de Assuntos Políticos, Pastor Enos Ferreira, Secretário de Estado de Relações Institucionais e o Pastor Tarcis Damasceno, representando a deputada estadual, Mical Damasceno.

Na ocasião, Fred ouviu com atenção as propostas e reivindicações dos pastores sobre as principais demandas para as comunidades inseridas nas áreas.

Fred Campos agradeceu o apoio dos pastores e pediu a unidade do povo evangélico. “Tenho uma relação muito próxima com todas as igrejas; receber esse carinho só aumenta o meu compromisso e minha vontade de poder trabalhar ainda mais. A Igreja Assembléia de Deus desenvolve um trabalho excelente em prol das famílias de nossa cidade, é uma honra receber esse apoio em nosso projeto”, disse Fred Campos.

Fred esteve acompanhado da pré-candidata a vereadora Missionária Zezé, esposa do Pastor Carlos Garces, que é a candidata oficial da Igreja Assembléia de Deus IADSL.