Arraial do Ipem também tem vacinação

Foto Divulgação

O Arraial da Vacinação contra a covid-19, promovido pelo governo do Estado, começou nessa sexta (24) em meio às festividades juninas pelo dia de São João no Ipem

Teve festa junina, teve comidas e bebidas típicas, teve diversão, teve cultura, mas teve também ação de saúde no dia de São João, no arraial do Ipem (Jardim Renascença). O Arraial da Vacinação, promovido pelo governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, destinou mais de 400 doses de vacina contra a covid-19.

O público-alvo nessa primeira ação foram pessoas a partir de 5 anos de idade que precisavam atualizar o esquema vacinal, bem como as de 40 anos ou mais que ainda não haviam recebido a 4ª dose.

Essa é mais uma novidade no nosso Arraial do Ipem, o arraial da vacinação. Você vem curtir o São João, a gente tem um ponto fixo aqui. Se tomar a vacina não pode beber, mas vamos nos prevenir. Só agradecendo a Secretaria de Estado da Saúde por essa parceria e dizer que esta é uma determinação do nosso governador Carlos Brandão para que a gente ajude a imunizar a população”, disse o secretário de Estado da Cultura, Paulo Victor.

Para o secretário de Estado da Saúde, Tiago Fernandes, o Arraial da Vacinação é para todos os maranhenses que querem brincar o São João com tranquilidade e segurança. “Dentro dos próximos dias levaremos esta iniciativa para outros municípios, a fim de ampliarmos a cobertura vacinal e proteger a nossa população para que ela possa aproveitar a melhor festa junina do Brasil, que é a do Maranhão.”

Foto Divulgação

A vacinação no arraial do Ipem será todos os dias, até o dia 1º de julho, das 17h às 21h. Segundo a Secretaria de Saúde, para receber a dose do imunizante, é necessário apresentar documento com foto e carteira de vacinação. Pessoas com sintomas gripais, tais como febre, dor de garganta e coriza, não se recomenda tomar a vacina. Da mesma forma, para quem testou positivo para o coronavírus em menos de 30 dias. A orientação é para que aguardem o período de quatro semanas, para, em seguida, atualizar o esquema vacinal.

Felipe Camarão testa novamente positivo para a covid-19

Foto Reprodução: Twitter

O anúncio foi feito pelo próprio Secretário de Educação, Felipe Camarão, pelas redes sociais, no início da tarde desta quarta-feira (9).

PF abre inquérito contra Bolsonaro por associar vacina contra a Covid à Aids em live

Presidente Bolsonaro em live

CNN A Polícia Federal abriu inquérito policial contra o presidente Jair Bolsonaro para apurar a associação feita por ele, em uma live nas redes sociais no ano passado, da vacina contra a Covid-19 à Aids (o que é falso e não tem nenhuma comprovação).

A PF vai apurar se Bolsonaro cometeu crime de pandemia, infração de medida sanitária preventiva e incitação à prática de crime. O inquérito policial foi instaurado no dia 23 de fevereiro, apesar de atender a um inquérito aberto no STF (Supremo Tribunal Federal) em dezembro do ano passado. A confirmação da abertura do inquérito policial consta em documentos enviados pela PF ao STF na noite de quarta-feira (2).

O inquérito diz respeito a live feita pelo presidente Bolsonaro em 21 de outubro do ano passado, quando leu o que seria uma notícia de que vacinados contra Covid-19 estavam desenvolvendo a síndrome da imunidade adquirida – Aids. Ainda na mesma live, o presidente disse, adotando o que seria um estudo do médico Anthony Fauci, dos Estados Unidos, que as vítimas da gripe espanhola não morreram de gripe espanhola, mas de pneumonia bacteriana causada pelo uso de máscara.

O inquérito, que terá a delegada Lorena Nascimento à frente das investigações, chegou ao ministro Alexandre de Moraes, relator do caso no Supremo Tribunal Federal. Procurados pela CNN, nem o Palácio do Planalto e nem a Advocacia Geral da União se manifestaram.

Sem vacina, Mical Damasceno preside sessão da Assembleia

Mical Damasceno na Assembleia

Presente na sessão desta terça-feira (08), Mical chegou a presidir a sessão por poucos minutos antes da chegada do presidente Othelino Neto (PCdoB).

Entrada garantida

O próprio regimento permite a presença de Mical nas dependências da Assembleia Legislativa.

Nas prerrogativas do parlamentar estadual garante “livre acesso” no Estado do Maranhão, além de garantir a “representatividade” e “função social da atividade parlamentar”.

Esses são três de nove princípios da atividade parlamentar.

A deputada também feito testes de covid-19 para garantir que não está positivada da doença.

A CARTA POLÍTICA

Covid: Em Caxias, crianças de 8 e 9 anos podem ser vacinadas a partir desta segunda (31)

Foto Divulgação

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, anunciou nesse sábado (29) a ampliação da faixa etária de vacinação infantil contra a covid-19 para crianças sem comorbidades. A partir desta segunda-feira (31), crianças de 8 e 9 anos sem comorbidades poderão se dirigir ao ponto de vacinação no Caxias Shopping e tomar a primeira dose do imunizante Pfizer (Comirnaty).

A vacinação infantil continua disponível para crianças de 5 a 11 que tenham comorbidades, deficientes, quilombolas ou indígenas. De acordo com último boletim de vacinação, Caxias já imunizou com a primeira dose, 900 crianças contra a covid-19.

No ato da vacinação, a criança deve estar acompanhada dos pais ou responsáveis apresentando os seguintes documentos: certidão de nascimento ou documento oficial com foto, caderneta de vacinação, CPF ou cartão do SUS. Para crianças com comorbidades é necessário apresentar um comprovante da doença, podendo ser: receitas médicas, exames, atestados ou laudos médicos.

As crianças com sintomas gripais devem aguardar 4 semanas após os sintomas para receber a vacina contra a covid-19.

CODÓ: Prefeito Zé Francisco anuncia que pegou Covid

Prefeito Dr Zé Francisco

NOTA A Prefeitura de Codó informa que o prefeito municipal, Dr. Zé Francisco, testou positivo para Covid-19 e síndrome gripal. O prefeito está bem e cumprindo isolamento domiciliar, de onde está realizando seu trabalho remotamente, conforme orientação médica.

O diagnóstico foi feito após teste rápido na última sexta-feira (21), após o prefeito apresentar forte gripe.

Dr. Zé Francisco tomou as duas doses e a dose de reforço da vacina, e atribui a essa imunização o não agravamento da doença. As agendas estão suspensas e serão retomadas após o cumprimento da quarentena.

Morre Olavo de Carvalho, ‘guru’ do bolsonarismo

Olavo de Carvalho

Morreu, aos 74 anos de idade, nesta segunda (24), o “guru” do bolsonarismo, o professor e escritor Olavo de Carvalho. O anúncio do falecimento foi feito pela família no perfil oficial dele no Facebook.

O professor deixa a esposa, Roxane, oito filhos e 18 netos. A família agradece a todos os amigos as mensagens de solidariedade e pede orações pela alma do professor“.

Olavo estava hospitalizado na Virgínia, Estados Unidos, onde morava há mais de uma década e testou positivo para a covid-19 no último dia 15. Mas a causa da morte não foi oficialmente divulgada. E com toda estupidez dos bolsonaristas em negarem a eficácia da vacina, a doença (ou sequelas dela), pode sim ter sido a causa do falecimento do guru.

Em julho de 2021, o escritor havia viajado ao Brasil para tratar de problemas cardíacos e chegou a passar três meses internado após novas complicações de saúde.

Bolsonaro, claro, lamentou: “Nos deixa hoje um dos maiores pensadores da história do nosso país, o filósofo e professor Olavo Luiz Pimentel de Carvalho. Olavo foi um gigante na luta pela liberdade e um farol para milhões de brasileiros. Seu exemplo e seus ensinamentos nos marcarão para sempre”.

TJ passa a exigir passaporte vacinal em todas as unidades judiciais do MA

Tribunal de Justiça do Maranhão

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Lourival Serejo, determinou, por meio da Portaria nº 482022, obrigatoriedade de apresentação do comprovante de vacinação contra a covid-19 no ingresso de pessoas, tanto servidores, magistrados, como o público em geral, nas unidades judiciais e administrativas do Poder Judiciário do Maranhão de 1º e 2º graus.

Confira abaixo.

Foto Reprodução