100 ANOS DE BACABAL: O que nós vamos comemorar?

Foto Reprodução

corrupção, o desvio de verba pública, o enriquecimento ilícito;
✔O descaso a falta de respeito e compromisso com a sociedade;
✔Contratos milionários com a gestão municipal e o banco Santander, (R$ 3.500.000,00) três milhões e quinhentos mil reais;
✔A compra milionária de políticos com o dinheiro que poderia ser investido no bem estar da sociedade e melhoria da qualidade de vida;
✔A falta de compromisso, respeito, transparência, solidariedade e amor ao próximo;
✔A licitação fraudulenta de 20.800.000,00 (vinte milhões e oitocentos mil reais) para reforma de escolas,
✔A aprovação da lei 1345/2017 que aumentou a taxa de iluminação pública na cidade de Bacabal em mais de 100%, (prejuízo econômico e social a sociedade);
✔O péssimo serviço prestado do SAAE que arrecada R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais por mês);
✔A redução de R$ 300,00 (trezentos reais) no salário dos professores contratados;
✔Não realização de concursos públicos municipais;
✔O sofrimento do povo bacabalense por falta de serviços básicos que propiciem uma melhor qualidade de vida;

É isso que vamos comemorar?

Parabéns Bacabal pelos 100 anos de emancipação política, município de um povo humilde, trabalhador e esperançoso.
Desejo que cada Bacabalense seja um ponto de apoio na construção diária, com valores sólidos, semeando ações e colhendo conquistas, buscando no presente o futuro.
Que as conquistas do nosso município sejam sempre crescentes, demonstrando que somos nós que fazemos o amanhã e que a perseverança é luz que ilumina o caminho para uma cidade cada vez mais justa.
São os votos do Vereador Coronel Egídio a todos os Bacabalenses.

CORONEL EGÍDIO

Vereador de Bom Lugar é atacado, leva surra e acredita que foi a mando de adversários

Foto Reprodução

Dois homens armados em um veículo Gol de cor vermelha atacaram na manhã desta sexta-feira, (28) o vereador da cidade de Bom Lugar, (MA), Valdecir Silva, (PHS), conhecido como “Valdo do Jacó”. Os criminosos interceptaram o carro do vereador entre os povoados Brejinho e Centro dos Teles em Bacabal. O vereador que estava indo levar a filha para a escola foi retirado do carro e passou a ser espancado pelos acusados.

Depois de aplicarem uma surra no vereador os criminosos fugiram levando a chave do veículo dele. Assustada a vítima procurou a delegacia da Polícia Civil em Bacabal onde comunicou o fato.

O vereador diz que não deve agiotas e não tem nenhuma dívida de campanha e acredita que a agressão foi praticada a mando de adversários políticos. A policia está apurando o caso.

Do Blog do Silvan Alves

Coronel Egídio luta contra aumento abusivo da taxa de iluminação pública em Bacabal

Vereador Coronel Egídio

Não é de hoje que o vereador Coronel Egídio é a única liderança contrária à Lei nº 1345/2017, que instituiu um aumento abusivo na taxa de iluminação pública de Bacabal em mais de 108%. O vereador, que é pré-candidato a prefeito do município pelo Democratas, segue uma incansável batalha para evitar mais prejuízos à população bacabalense, que está sendo tão castigada por essa lei.

Até o momento, mais de R$ 22 milhões já foram tirados das pessoas e arrecadados pela prefeitura com a taxa chamada CIP (contribuição de iluminação pública). Pior do que todo esse dinheiro arrecadado de maneira abusiva, é a falta de investimento por parte da atual gestão municipal, que em nada melhora na iluminação da cidade e na vida das pessoas.

Essa lei causa prejuízo econômico e social muito grande à sociedade bacabalense. Por mês, é mais R$ 1,1 milhão arrecadado das pessoas humildes e carentes. Até agora, já foram R$ 22 milhões tirados dessas pessoas. É muito dinheiro e nada foi feito. Nossa luta continua sempre em defesa da sociedade”, garantiu Coronel Egídio.

O pré-candidato a prefeito de Bacabal questiona, ainda, a falta de palavra do atual prefeito Edvan Brandão, que defendia a isenção de mais de 15 mil famílias bacabalenses do pagamento da taxa de iluminação pública. A promessa de campanha de Brandão tanto não foi cumprida, como a população de baixa renda está pagando mais caro a conta de energia elétrica.

O vereador Coronel Egídio levou o aumento abusivo da taxa de iluminação pública para o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA). Preocupado com a situação, o pré-candidato entrou com processo para revogar a aprovação da Lei nº 1345/2017 e agora aguarda a decisão do Pleno do TJMA.

No Ministério Público, Coronel Egídio obteve uma importante vitória com a decisão do procurador-geral de Justiça, Luiz Gonzaga, que reconheceu ser abusivo esse aumento de 108% na taxa de iluminação pública de Bacabal. “O procurador-geral de Justiça, Luiz Gonzaga deu parecer pela inconstitucionalidade da lei, dizendo que essa lei prejudica a população bacabalense. O parecer dele é a favor da população bacabalense, visto a arbitrariedade da lei e os danos que a mesma vem causando à toda sociedade de Bacabal”, disse o vereador.

Confio na Justiça maranhense, em especial no Tribunal de Justiça do Maranhão e na pessoa do desembargador José Luiz Oliveira de Almeida que, após a análise do processo, emitirá seu parecer referente ao cancelamento ou não dá referida lei”, concluiu. (Assista abaixo)

Sendo assim, espera-se que a justiça seja feita e a população de Bacabal deixe de ser prejudicada. No que diz respeito ao Vereador Coronel Egídio, essa é uma batalha que precisa ser enfrentada, não podemos aceitar tamanho abuso, corrupção e desvio de verba pública.

Definido: PL terá candidato a prefeito em Bacabal

Foto Divulgação

Nossa agenda, hoje, começou bem cedo.

Estive em reunião com o pré-candidato a prefeito de Bacabal, César Brito, juntamente com Dr. Mauro.

Na oportunidade ficou decidido que o Brito será o candidato do PL, nas eleições deste ano.

A adesão fortalece ainda mais o PL na região do Médio Mearim, que agora tem candidato na cidade considerada “capital” da região.

César Brito chega forte para a disputa, com a legenda que mais se fortalece em todo o Estado.

Josimar Maranhãozinho

SIMPLÍCIO ARAÚJO SAUDANDO A MANDIOCA

Foto Reprodução
Foto Reprodução

Pequeno Produtor de Mandioca da cidade de Bacabal, povoado Bom Princípio, conduzindo sua produção para a Ambev. Quem dera que todos os incentivos fiscais nos estados brasileiros tivessem o poder de promover este adensamento de cadeia produtiva.

SIMPLÍCIO ARAÚJO

Ambulâncias de Bacabal continuam só no “MIGUÉ”

Foto Reprodução

Depois de tentar sem sucesso fazer promoção pessoal com a chegada das novas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) o deputado estadual Roberto Costa (prefeito de fato) e Edvan Brandão de Farias (prefeito de direito) ainda não deram nenhuma justificativa do porquê desses veículos permanecerem sem atender a população de Bacabal, isso dezessete dias após serem oficialmente entregues pela prefeitura durante solenidade em frente ao Hospital Geral de Bacabal.

Na oportunidade as ambulâncias, que chamaram a atenção por estarem sem o padrão do SAMU e com as cores da campanha eleitoral do prefeito – o que não é permitido pelo Ministério da Saúde -, desfilaram pelo centro e, no dia seguinte, voltaram às ruas para o desfile cívico de 7 de setembro.

Desde então estavam escondidas em  um galpão particular, no bairro Ramal, enquanto os veículos antigos continuam atendendo as ocorrências, isso quando possível, pois em alguns casos, de tão velhos, sequer conseguem chegar ao destino, obrigando as vítimas a buscarem socorro em garupa de motocicletas ou de outras formas.

Como meio de abrandar as cobranças e críticas, a Secretaria de Saúde ensaiou um terceiro desfile com parte delas, na manhã desta segunda-feira (23), esse com destino ao pátio da Ciretran e ainda com o pretexto de dá início a fase de emplacamento.

Do Blog do Sérgio Matias

Operação Bigorna: Polícia Federal prende assaltante de banco em Bacabal

Polícia Federal

A Polícia Federal realizou, nesta sexta-feira (7), a Operação Bigorna, com o cumprimento de um mandado de Prisão Preventiva, exarada pela Justiça Federal de Bacabal, de um membro da facção criminosa Bonde dos 40 e assaltante.

Trata-se de investigação de assalto aos correios ocorrido em 08/08/2018, onde o investigado teria realizado a ação criminosa em conjunto com outro membro da facção criminosa, tendo participação também do gerente da agência.

A investigação foi realizada em decorrência da apreensão de aparelhos telefônicos durante a Operação Hermes e o Gado II, deflagrada em 13/12/2018. O nome da operação se deve ao vulgo utilizado pelo investigado. Foi utilizado um efetivo de seis policiais federais para cumprimento do mandado.

O preso encontra-se custodiado na Penitenciária de Pedrinhas, à disposição da Justiça Federal de Bacabal/MA

Fonte: Comunicação Social/SR/PF/MA

Duas crianças maranhenses morrem em deslizamento de rocha no Chile

Isadora Bringel e Khálida Trabulsi, de 7 e 3 anos de idade — Foto: Divulgação

Um deslizamento de rocha matou duas meninas brasileiras no Chile, informou a polícia local nesta segunda-feira (3). Khálida Trabulsi Lisboa, de 3 anos, e Isadora Bringel, de 7, morreram depois de serem atingidas pela rocha, que se desprendeu de uma das montanhas nas imediações da barragem de El Yeso, um ponto turístico na Cordilheira dos Andes na região metropolitana de Santiago.

As identidades das meninas, que são do Maranhão, foram confirmadas ao G1 pela polícia chilena e a esposa do avô de Khálida. Também de acordo com essa familiar, as duas famílias eram amigas e passeavam no Chile. As crianças estudavam na mesma escola em Bacabal (MA).

Segundo relatos preliminares, o ônibus onde estavam as duas meninas ultrapassou uma barreira que impede a passagem justamente por risco de deslizamento. Os turistas, então, começaram a caminhar por essa área quando a rocha se desprendeu e atingiu as brasileiras.

Por isso, afirmou a governadora da província de Cordillera, Mireya Chocair, a operadora de turismo responsável pelo passeio tem responsabilidade sobre o incidente. O nome da empresa não foi divulgado.

Segundo a rede de televisão T13, Khálida, de 3 anos, morreu no local. Isadora, de 7, foi levada de helicóptero a um centro médico, mas não resistiu aos ferimentos.

O consulado do Brasil no Chile informou ao G1 que uma equipe da representação está a caminho do local do acidente para prestar assistência às famílias.

Fonte: G1

Detinha solicita construção de Centro de hemodiálise em Zé Doca

Deputada Detinha
Deputada Detinha

A deputada Detinha (PR) protocolou na Assembleia Legislativa, indicação para que seja construído um centro de hemodiálise no município de Zé Doca.

Considerando a distância percorrida semanalmente pelos pacientes renais crônicos, que precisam se deslocar para a cidade de Bacabal, a indicação tem o propósito de atender às demandas da região do Alto Turi, que são grandes e de extrema urgência.

“São muitas famílias que necessitam de hemodiálise, o que acarreta despesas de deslocamento e alimentação não só para os pacientes, mas, também, para os acompanhantes, além de causar transtornos para as famílias. É uma luta que estaremos em busca e sabemos que a saúde é prioridade”, afirmou a deputada.

Corregedoria redistribui comarcas do Estado em 11 polos judiciais

O Judiciário de 1º de Grau do Estado do Maranhão passa a ter 11 Polos Judiciais, para melhor distribuição e organização dos serviços administrativos pela Corregedoria Geral da Justiça (CGJ-MA). O corregedor-geral, desembargador Marcelo Carvalho Silva, atualizou as regras por meio do Provimento n.º 43/2018, que estabelece como novas sedes dos polos judiciais as comarcas de Bacabal; Balsas; Chapadinha; Imperatriz; Itapecuru-Mirim; Pinheiro; Barra do Corda; Santa Inês; São João dos Patos; Timon; e o termo judiciário de São Luís.

Para a nova divisão dos polos, o corregedor considerou a necessidade de direcionamento da atuação dos juízes auxiliares da CGJ, quanto à fiscalização, orientação e acompanhamento dos serviços judiciais e extrajudiciais nas comarcas do Estado.

A medida considerou ainda requerimentos de juízes de comarcas do interior, durante reuniões realizadas com os membros da Mesa Diretora do Poder Judiciário, quando relataram dificuldades em razão da distância entre as comarcas e as sedes dos polos aos quais pertenciam. “A mudança vai facilitar a organização dos serviços e diminuir a distância para o deslocamento dos magistrados e servidores quando precisarem comparecer à sede do polo”, explica o corregedor-geral da Justiça, desembargador Marcelo Carvalho Silva.

Para a juíza coordenadora de Planejamento Estratégico da CGJ, Kariny Reis, a mudança cria novos polos e redistribui as comarcas do Estado, buscando também facilitar a participação dos servidores e magistrados em eventos e reuniões realizadas nas sedes dos polos. “A nova disposição das comarcas em 11 polos atende a uma reivindicação dos juízes e objetiva facilitar a organização dos serviços e projetos da Corregedoria”, frisou.

As comarcas passam a integrar os seguintes polos:

I – Polo de Bacabal: Bacabal, Codó, Coroatá, Igarapé Grande, Lago da Pedra, Olho d’Água das Cunhãs, Paulo Ramos, Pedreiras, Poção de Pedras, São Luiz Gonzaga do Maranhão, São Mateus, Timbiras, Vitorino Freire;

II – Polo de Balsas: Balsas, Alto Parnaíba, Carolina, Loreto, Riachão, São Raimundo das Mangabeiras, Tasso Fragoso;

III – Polo de Chapadinha: Araioses, Brejo, Buriti, Chapadinha, Magalhães de Almeida, Santa Quitéria, São Bernardo, Tutóia, Urbano Santos;

IV – Polo de Imperatriz: Açailândia, Amarante do Maranhão, Arame, Estreito, Grajaú, Imperatriz, Itinga do Maranhão, João Lisboa, Montes Altos, Porto Franco, São Pedro da Água Branca, Senador La Roque;

V – Polo de Itapecuru Mirim: Anajatuba, Arari, Barreirinhas, Cantanhede, Humberto de Campos, Icatu, Itapecuru Mirim, Morros, Rosário, Santa Rita, Vargem Grande;

VI – Polo de Pinheiro: Alcântara, Bacuri, Bequimão, Cândido Mendes, Carutapera, Cedral, Cururupu, Governador Nunes Freire, Guimarães, Maracaçumé, Mirinzal, Pinheiro, Santa Helena, São Bento, São João Batista, São Vicente Férrer, Turiaçu;

VII – Polo de Barra do Corda: Barra do Corda, Colinas, Dom Pedro, Esperantinópolis, Governador Eugênio Barros, Joselândia, Presidente Dutra, Santo Antônio dos Lopes, São Domingos do Maranhão, Sucupira do Norte, Tuntum;

VIII – Polo de Santa Inês: Bom Jardim, Buriticupu, Matinha, Monção, Olinda Nova do Maranhão, Penalva, Pindaré-Mirim, Pio XII, Santa Inês, Santa Luzia, Santa Luzia do Paruá, Viana, Vitória do Mearim, Zé Doca;

IX – Polo de São João dos Patos: Barão de Grajaú, Buriti Bravo, Mirador, Paraibano, Passagem Franca, Pastos Bons, São Domingos do Azeitão, São Francisco do Maranhão, São João dos Patos;

X – Polo de São Luís: Paço do Lumiar, Raposa, São José de Ribamar, São Luís;

XI – Polo de Timon: Caxias, Coelho Neto, Matões, Parnarama, Timon.