Oposição requer na Justiça a cassação do prefeito de Poção de Pedras

Ex-candidato Jhulio e o prefeito eleito Francisco Pinheiro

Os ex-candidatos Jhulio e Valney, que ficaram em segundo lugar nas eleições do ano passado em Poção de Pedras, por uma diferença de um pouco mais de 330 votos, recorreram a Justiça contra o prefeito eleito Francisco Pinheiro, a vice-prefeita Adailza Bezerra e ex-prefeito e pré-candidato a Deputado Junior Cascarias.

Na denúncia, enviada à Justiça eleitoral do Maranhão, constam filmagens, depoimentos de pessoas que receberam cestas básicas da merenda escolar no período de calamidade pública em troca de votos, sacos de cimento, áudios do ex-prefeito e aliados autorizando o uso de máquinas públicas em troca de apoios, e confissões de funcionários fantasmas, na folha de pagamento, assim, não deixando dúvidas do grande abuso de poder e prejuízo ao erário, para a eleição de Francisco Pinheiro do PDT, apoiado por Júnior Cascaria.

Caso o Juiz der favorável a jhulio e Valney, a cidade poderá passar por novas eleições em breve.

Foto Reprodução

Veja um dos vídeos que consta no Processo.

Do Blog do Nelsinho Paz

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>