Luto em Santa Luzia! Cunhado da prefeita é um dos 5 mortos na BR 135; carnaval é suspenso

Os cinco jovens que morreram em acidente na BR 135

A prefeita da cidade de Santa Luzia do Tide, Francilene Paixão de Queiroz, a França do Macaquinho, decretou luto oficial na cidade de três dias pela morte de 5 jovens em um acidente trágico ocorrido na tarde deste sábado (25) no Km 102 da BR 135 entre Entrocamento e o povoado Colombo em Itapecuru Mirim.

José Iláryo era cunhado da prefeita
José Iláryo era cunhado da prefeita

Uma das vítimas, José Iláryo Carvalho Costa e Silva de Queiroz, era cunhado da prefeita, irmão do marido dela, Júnior Queiroz. Com a fatídica e triste notícia, as festividades de Carnaval promovidas pela prefeitura foram imediatamente canceladas.

Os jovens que faleceram no acidente se deslocavam de São Luís para Santa Luzia. A pista estava molhada e o veículo deles, um HB 20 preto de placa OJE 9477 de Buriticupu, deslizou e colidiu de frente com uma carreta que transportava mercadorias para o Mateus Supermercado. Todos morreram na hora. A maioria ficou presa às ferragens sendo removida por equipes do Corpo de Bombeiros.

O condutor do veículo de carga permaneceu no local do acidente e foi apresentado ontem ao delegado plantonista em Itapecuru Mirim, que o liberou logo em seguida a oitiva. O mesmo delegado fez o reconhecimento das vítimas e encaminhou à Polícia Rodoviária Federal uma lista com os seguintes nomes: Ítalo da Silva Oliveira (23 anos), José Ilaryo Carvalho Costa e Silva de Queiroz (21 anos),Gabriel Henrique Sousa Pereira (21 anos), Kalline da Silva Oliveira (17 anos) e Tamires Lima Machado (25 anos).

Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal na capital maranhense e, em seguida, liberados aos familiares para sepultamento.

Em Santa Luzia do Tide o clima é de consternação. A prefeitura emitiu nota de pesar. Veja abaixo.

2 comentários em “Luto em Santa Luzia! Cunhado da prefeita é um dos 5 mortos na BR 135; carnaval é suspenso”

    • José de Ribamar Flores

      5 anos atrás  

      Tem que rodar com muita prudência e cautela nessas estradas, em especial no período do inverno, inobstante meu carro ser 2.0 eu costumo trafegar na estrada em uma velocidade máxima de 100KM, pois, devagar se chega também ao destino, entretanto, outros carros com menos potência (1.0; 1.6 e 1.8) me ultrapassam e em fração de segundos desaparecem, o que implica em dizer que eles estão acima de 130Km e as vezes logo na sequencia os vejo de pneu para cima e quando o motorista sobrevive eu lhe indago o porquê de tanta velocidade e ele me responde “só ando de pé topado, pois não tenho tempo a perder”. Portanto, seria de bom alvitre que os fabricantes fabricassem os carros com limitador de velocidade, pois, se depender do homem, a imprudência e irresponsabilidade vão continuar ceifando vidas.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>