Professores de Caxias vão receber salários acima da média nacional

Fábio Gentil, prefeito de Caxias

Professores da rede pública de ensino municipal de Caxias tem muito o que comemorar. É que o prefeito Fábio Gentil (PRB), encaminhou à Câmara de Vereadores, nesta quarta-feira (15), o projeto de lei que dispõe sobre o reajuste do piso salarial do magistério.

De acordo com o projeto de lei, o percentual a ser reajustado anualmente  é de 9%, um pouco acima da média nacional, que é de 7%.

“O aumento concedido pelo prefeito precisava ser regulamentado. Eu encaminhei o projeto de lei à Comissão de Constituição de Justiça para dar o parecer, porque ele tramitou em regime de urgência urgentíssima”, explicou o presidente da Câmara Municipal, o vereador Catulé ao um Blog local.

Ainda ontem depois de ser discutido por vereadores na Câmara Municipal de Caxias, o aumento foi aprovado por unanimidade e será sancionado pelo prefeito Fábio Gentil.

A iniciativa do executivo municipal foi parabenizada na tribuna da Câmara pelo vereador Magno Magalhães (PSD). “Investir naquilo que é mais essencial para desenvolvimento da educação, que é o professor. Isso o nosso prefeito foi para frente. Com esse aumento de 9% já demonstra a boa vontade e a capacidade de reconhecer que a educação é a saída desse país”.

Morre em Teresina Jean Teles, jornalista e assessor de imprensa de Caxias

Jean Teles

Morreu na noite deste domingo (12) no Hospital São Marcos, na capital piauiense Teresina, o jornalista Jean Teles. Ele trabalhou como repórter de TV e atualmente era assessor de imprensa da prefeitura de Caxias (MA).

O comunicador esteva internado desde o ultimo dia 6 de fevereiro quando foi encontrado inconsciente dentro do carro dele nas proximidades do povoado Riachão. Jean foi vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e o estado dele era considerado muito grave. Na noite de ontem foi confirmado o óbito.

Veja abaixo a nota de pesar da Prefeitura de Caxias:

Com muito pesar viemos informar que ontem por volta das 21h. foi oficialmente informado pelos médicos do hospital São Marcos de Teresina, a morte do jornalista Jean Teles.

A causa morte foi Hemorragia meníngea.

A família agradece a todas as manifestações de apoio e orações nessa uma semana em que Jean Teles lutou pela vida.

Os familiares decidiram doar os órgãos e por conta disso o corpo só será liberado após 24h. Nas próximas horas a família estará informando o local do velório.

Jean Teles deixa esposa e filho de 5 meses.

Augusto Neto
ASCOM Caxias.

Imprudência provoca capotamento e morte na BR 316 entre Caxias e Timon

Veículo Corsa Classic branco que capotou

Um acidente ocorrido nesta segunda-feira (30) no km 568 da BR 316, entre as cidades de Caxias e Timon, culminou na morte de uma pessoa e deixou mais duas gravemente feridas.

A colisão traseira foi seguida de capotamento. Todas as vitimas ocupavam um Corsa Classic de cor branca. De acordo com um dos policiais rodoviários federais que atendeu a ocorrência, três veículos seguiam no sentido decrescente da via (de Timon para Caxias), na seguinte ordem: primeiro um caminhão, seguido por um veículo Gol e depois o corsa Classic. Este último iniciou a ultrapassagem sobre os dois outros, quando o Gol, sem atentar que o Classic já havia iniciado ultrapassagem, também entrou para contramão. O Classic ainda conseguiu desviar para o acostamento da contramão, mas perdeu o controle, colidiu levemente na traseira do caminhão e capotou.

O Núcleo de Comunicação Social da PRF entrou em contato com uma equipe de plantão da Unidade Operacional (UOP) de Caxias-MA, que repassou todos os detalhes da ocorrência.

Ainda não foram divulgados os nomes das vítimas, nem o estado de saúde dos sobreviventes.

Corsa que capotou com três pessoas,; uma morreu
Corsa que capotou com três pessoas; uma morreu
Gol vermelho envolvido no acidente

Nota de pesar pelo falecimento de Antônio Araújo, irmão de Humberto Coutinho

A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão lamenta o falecimento do engenheiro Antônio Augusto Araújo Coutinho, de 72 anos de idade, ocorrido neste domingo (22), no município de Caxias.

Irmão mais velho do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Humberto Coutinho (PDT), Antônio Augusto era funcionário público federal, servidor do DNIT. Casado com a bancária Ana Angélica Magalhães Coutinho, pai de quatro filhos e avô de seis netos.

Neste momento de pesar, a Assembleia Legislativa solidariza-se com os familiares e amigos do ente querido, rogando a Deus o conforto para superar a dor desta grande perda.

São Luís, 22 de janeiro de 2017

Deputado Othelino Neto
Vice presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão

Viatura da Polícia Militar é apedrejada em evento religioso em Caxias

Foto Reprodução: Noca.com

Uma viatura da Polícia Militar foi apedrejada na noite deste domingo (8) no Largo de São Sebastião, em Caxias. A guarnição havia ido ao local atender denúncias de som alto de paredões de som.

De acordo com informações do 2º BPM, por volta das 23h50, quando já havia finalizado o tradicional levante do Mastro de São Sebastião, e os paredões de som foram desligados, várias pessoas se revoltaram contra os policiais militares, bem como contra os proprietários dos equipamentos.

Durante o tumulto generalizado, os envolvidos jogaram garrafas, pedras e outros objetos contra as guarnições presentes. Uma pedra atingiu uma das viaturas, quebrando o vidro lateral direito.

Foto Reprodução: Noca.com

Os policias militares usaram munição química e bombas de efeito moral para dispersar os agressores.

Ainda conforme a Polícia Militar, 14 pessoas envolvidas na baderna foram conduzidas ao Plantão Central de Polícia Civil, sendo que três delas foram autuadas por dano ao patrimônio público, responsáveis por quebrarem o vidro da viatura a pedradas.

A PM também recuperou duas motocicletas que haviam sido furtadas durante a realização do evento religioso.

Fonte: Noca.com

Prefeito, vice, vereadores e suplentes eleitos são diplomados em Caxias

Prefeito eleito em Caxias, Fábio Gentil sendo diplomado

A diplomação aconteceu nesta sexta-feira (16), no auditório do Fórum Desembargador Athur Almada Lima com a presença de uma multidão que foi acompanhar, mais um momento histórico para a cidade de Caxias. A diplomação foi dirigida pela juíza da 5ª vara, Marcela Santana Lobo, acompanhada dos juízes da 4ª Vara – Antônio Manoel Araújo Velozo, o Juiz do Juizado Especial Cível e Criminal, João Pereira Neto, o Promotor Eleitoral, Dr Vicente Gildasio, o chefe do cartório eleitoral, Jardel dos Santos Oliveira e o presidente da OAB Subseção Caxias, Agostinho Ribeiro Neto.

Foram diplomados, o prefeito eleito pelo PRB, Fábio Gentil, o vice, Paulo Marinho Junior, do PMDB, os vereadores eleitos para a Câmara de Caxias pelos próximos quatro anos e os suplentes de cada partido.

O vereador Catulé, um dos mais experientes a retornar a casa, em entrevista a uma TV local durante a diplomação, disse “É uma honra poder esta novamente representando o povo de Caxias, e com certeza estaremos fazendo um ótimo trabalho em sintonia com o prefeito Fábio Gentil, o primeiro vereador a se tornar prefeito na história de Caxias”.

Fonte:  Noca.com

Governador em exercício, Humberto Coutinho cumpre agenda em Caxias

Humberto Coutinho em inaugurações na cidade de Caxias
Humberto Coutinho em inaugurações na cidade de Caxias

O governador em exercício, Humberto Coutinho, esteve no município Caxias nesta sexta-feira (4), onde participou de uma maratona de inaugurações. Dentre as obras, ações do Governo do Estado na área de saneamento e, ações dos municípios na área de educação, esporte e assistência social. A parceria entre Estado e Prefeitura foram fundamentais para destacar Caxias como município importante da região leste do Maranhão.

Na passagem pela cidade, Humberto Coutinho participou da inauguração do Sistema de Abastecimento de Água no bairro DNER – há outra já em funcionamento no Residencial Eugênio Coutinho; da entrega da reforma e adequação da Unidade Integrada Municipal Joaquim Francisco; do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas); e participou do ato solene da inauguração da Quadra Poliesportiva da Unidade Integrada Municipal Paulo Freire.

Para além das entregas realizadas na tarde de sexta-feira, Caxias vive um outro momento de desenvolvimento, segundo o governador em exercício. “Caxias está asfaltada, Caxias tem área de lazer para a juventude, nove quadras poliesportivas iguais a esta inaugurada hoje, 10 ginásios cobertos, também cuidados da parte social, hoje inauguramos o Creas, na educação também foram inauguradas escolas. Hoje estou governador e estarei em São Luís como deputado na Assembleia Legislativa para ajudar todos os caxienses”, destacou o governador.

Também participou da maratona de entregas, o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, que destacou a importância das obras para a cidade: “São obras importantes porque estamos entregando hoje para a cidade de Caxias um sistema de abastecimento de água, escola, Creas, quadra poliesportiva mostrando que o governador Flavio Dino e hoje o governador em exercício, Humberto Coutinho, estão caminhando firmemente para o desenvolvimento do Maranhão, com o desejo de ver Caxias cada vez melhor”.

O prefeito da cidade, Léo Coutinho, ressaltou que o Governo do Estado tem sido um grande parceiro para o crescimento de Caxias. “Com o governador Flavio Dino, em pouco mais de dois anos, nós inauguramos hospitais, UPA, entregamos ambulância, asfaltamos mais de 60 km. O Governo ajudou muito Caxias na infraestrutura e também na saúde. A parceria foi fundamental para o município”, relatou.

AUDÁCIA: bando explode carro forte e rouba R$ 700 mil na MA 034 em Caxias

Foto Reprodução: Jornal Pequeno
Foto Reprodução: Jornal Pequeno

No fim da manhã desta terça-feira (1º), bandidos encapuzados e fortemente armados explodiram o cofre de um carro forte da empresa de segurança Prosegur, na MA-034, que se situa em Caxias, cidade localizada no leste do Maranhão. Do veículo, os suspeitos teriam levado uma quantia estimada em R$ 700 mil. A ação criminosa foi confirmada pelo delegado regional Jair Paiva.

Segundo informações colhidas pelo Jornal Pequeno o delegado Jair Paiva, o veículo seguia pela rodovia estadual, quando, de repente, tiros de fuzil foram desferidos contra o vidro do carro. Os disparos teriam sido feitos por ocupantes de uma Hilux branca e de um Renault Duster de mesma cor. Em menor número e com armamento inferior ao dos criminosos, os quatro vigilantes pararam o carro forte e entraram correndo na vegetação que margeia a MA-034.

Depois, os criminosos detonaram o cofre do veículo e retiraram todo o dinheiro. Guarnições do 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e investigadores da Delegacia Regional de Caxias estão fazendo diligências em um vasto diâmetro em que aconteceu o assalto, mas, até o momento, nenhum dos autores havia sido capturado.

Por Nelson Melo via Jornal Pequeno

Após prisão de ex-governador, PF cumpre mandados em SLZ, Nunes Freire e Caxias

Imagem Ilustrativa
Imagem Ilustrativa

A Polícia Federal, juntamente com o Ministério Público Federal e Controladoria Geral da União deflagrou, nesta quinta-feira (13), a Operação Ápia, contra um esquema de fraudes em licitações públicas e execução de contratos administrativos celebrados para a terraplanagem e pavimentação asfáltica em diversas rodovias estaduais.

São alvos da operação que conta com a participação efetiva de 350 policiais federais, três cidades do Maranhão, seis do Tocantins, três de Goiás, e mais cidades em outros Estados. Ao todo estão sendo cumpridos 113 mandados judiciais expedidos pela Justiça Federal sendo, 19 mandados de prisão temporária, 48 de condução coercitiva e 46 de busca e apreensão nas cidades de São Luís, Governador Nunes Freire e Caxias, no Maranhão; em Araguaína, Gurupi, Goiatins, Formoso do Araguaia, Riachinho e Palmas, no Tocantins; em Goiás, nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia e Anápolis. Também estão sendo cumpridos mandados em Belo Horizonte/MG, São Paulo/SP, Brasília/DF e Cocalinho/MT.

No Tocantins, o ex-governador Sandoval Cardoso foi preso temporariamente durante a operação. Outro ex-governador do estado, Siqueira Campos (sem partido) também é alvo e foi conduzido coercitivamente para prestar depoimento.

A investigação apontou um esquema de direcionamento de concorrências envolvendo órgãos públicos de infraestrutura e agentes públicos do Estado, nos anos de 2013/2014. Essas obras foram custeadas por recursos públicos adquiridos pelo Estado, por meio de empréstimos bancários internacionais e com recursos do BNDES, tendo o Banco do Brasil como agente intermediário dos financiamentos no valor total de cerca de R$1,2 bilhão. Os recursos adquiridos tiveram a União como garantidora da dívida.

O foco da investigação são as obras nas rodovias licitadas e fiscalizadas pela secretaria de infraestrutura, que correspondem a 70% do valor total dos empréstimos contraídos.

Os investigadores apontam que, em um dos contratos, uma empreiteira pediu complemento para realização da obra de mais de 1.500 caminhões carregados de brita. Se enfileirados, esses veículos cobririam uma distância de 27 quilômetros, ultrapassando a extensão da própria rodovia.

“Em outra situação, a perícia demonstrou que para a realização de determinadas obras, nos termos do contrato celebrado, seria necessário o emprego de mão de obra 24 horas por dia, ininterruptamente, o que, além de mais oneroso, seria inviável do ponto de vista prático”, aponta a PF em nota divulgada nesta quinta.

Estima-se que o prejuízo aos cofres públicos gire em torno de 25% dos valores das obras contratadas, o que representa aproximadamente R$ 200 milhões.

Os investigados responderão pelos crimes de formação de cartel, desvio de finalidade dos empréstimos bancários adquiridos, além de peculato, fraudes à licitação, fraude na execução de contrato administrativo e associação criminosa. Somadas as penas podem ultrapassar 30 anos.

O nome da operação se refere à Via Ápia, uma das principais estradas da antiga Roma.

CAXIAS: prefeito zomba de mães e diz que mortes de bebês foram manipuladas

Prefeito Léo Coutinho em entrevista ontem à TV Mirante
Prefeito Léo Coutinho em entrevista ontem à TV Mirante

Em entrevista a TV Mirante nesta terça-feira (20), o candidato a reeleição em Caxias, o prefeito Léo Coutinho (PSB), ao ser questionado pelo apresentador Davi Perez sobre as mortes de centenas de bebês na maternidade Carmosina Coutinho, disse que os dados foram manipulados e que a unidade de saúde até recebeu prêmio. Como assim foram manipulados? As mães estão mentindo, será que foi isso que ele quis dizer?

Essa história das mortes na maternidade de Caxias é antiga, e foi destaque em diversos telejornais das grandes emissoras do país com Band nos telejornais e no programa CQC que por duas vezes fez reportagem sobre o problema, e ainda a TV Record que fez uma programa inteiro sobre o tema. Assista abaixo as reportagens:


Foram centenas de crianças mortas e, outras dezenas que ficaram cegas sem nenhuma explicação. O próprio prefeito Léo Coutinho, nunca sequer fez algum pronunciamento para a população. O estranho ainda é ele ter dito que os dados das mortes foram manipulados, como se fosse tudo uma mentira e que esses bebês não morreram.

Na reportagem do CQC acima o link, ele mesmo diz “As crianças que estão morrendo não são de Caxias”, ou seja, ele mesmo atestou que as mortes acontecem, e agora em entrevista a TV Mirante, disse que os dados foram manipulados. A maternidade Carmosina Coutinho pertence ao município de Caxias, ou seja, é de responsabilidade do prefeito tudo o que acontece ali.

Às vésperas das eleições o gestor parece ter metido o dedo na ferida dos caxienses e mais uma vez vai enfrentar um turbilhão de problemas para responder a sociedade o porquê que essas mortes nunca cessaram e ainda, terá que enfrentar frente a frente as centenas de mães que perderam os filhos naquela que ficou conhecida nacionalmente como a maternidade da morte.

Do Blog Maranhão de Verdade