Segundo IBGE, Maranhão é um dos 4 Estados que mais reduziu a pobreza no país

Governador Flávio Dino

Os Estados de Sergipe, Pará, Piauí e Maranhão são as unidades federativas que mais diminuíram o índice de pobreza nos anos de 2019 e 2020, segundo dados divulgados este mês pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Governado por Belivaldo Chagas Silva (PSD), Sergipe ficou à frente nos resultados. O estado conseguiu diminuir em 8,9 pontos percentuais a quantidade de pessoas pobres. No Pará, de Helder Barbalho (MDB), o percentual caiu em 8,8 pontos. Já no Piauí, de Wellington Dias (PT), e no Maranhão, de Flávio Dino (PSB), a pobreza caiu 6,7 e 5,6 pontos percentuais, respectivamente.

A queda da pobreza nesses estados foi mais acentuada que no restante do país, que ficou com média de 1,8 ponto porcentual, no mesmo período.

O governador Flávio Dino afirma que o resultado é o melhor número registrado pelo Maranhão há nove anos. “Nós tivemos o menor número de pobreza desde 2012. Tradicionalmente, o Maranhão sempre esteve na casa dos 55%, 56%, e chegamos a 48%. Tivemos a quarta maior queda do país no que se refere à pobreza”, disse.

A projeção dos dados compõe a Síntese de Indicadores Sociais do IBGE, publicação anual que avalia uma série de resultados nas áreas de economia, educação, habitação e saúde. Os dados também revelam que pelo menos um em cada quatro brasileiros esteve em situação de pobreza em 2020.

O número, no entanto, esteve abaixo do ano anterior. Em 2019 o percentual de brasileiros em pobreza extrema havia sido de 6,8% maior.

Fonte: Congresso em Foco

VÍDEO: Integrantes da banda de Gusttavo Lima sofrem acidente

Foto Reprodução

Integrantes da banda do cantor sertanejo Gusttavo Lima sofreram um acidente de trânsito nesta segunda-feira (20).

De acordo informes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão entre um veículo Fiat UNO e uma Van (contratada pela banda), no km 203, da BR-230 ocorreu entre as cidades de Soledade e Olivedos, na Paraíba, onde o cantor se apresentou no fim de semana. O show aconteceu na cidade de São Bento.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionadas e prestaram atendimento às vítimas. Pelo menos cinco pessoas ficaram feridas. As vítimas estavam na van sendo conduzidas a um hospital. Quatro sofreram escoriações leves e foram liberadas. Uma ficou internada e encontra-se estável.

Veja imagens registradas no local do acidente.

A assessoria de Gusttavo Lima ainda não se pronunciou sobre o acidente.

Sextou com ‘S’ de Saudade: Cantor maranhense Maurílio apresenta melhora

Maurílio Ribeiro segue internado na UTI

Segue internado na UTI de um hospital em Goiânia, após sofrer três paradas cardíacas na última quarta-feira (15), o cantor e compositor Maurílio Ribeiro (28 anos), que forma dupla com Luiza, está em estado gravíssimo.

O maranhense de Imperatriz teve tromboembolismo pulmonar, uma obstrução dos vasos da artéria pulmonar, que causa um coágulo, provavelmente da perna, que pode ir para o pulmão, coração ou cérebro, bloqueando o fluxo do sangue nesses lugares.

Segundo o último boletim médico divulgado na noite de ontem, o artista apresentou melhora no quadro clínico, mas o estado de saúde ainda é delicado.

“Maurílio ainda está em estado grave, porém com melhora em relação ao dia anterior. Foi avaliado pela equipe de Nefrologia, que identificou lesão renal, possivelmente secundária ao tromboembolismo pulmonar e as paradas cardíacas, e indicou início de terapia de hemodiálise, prevista para começar na noite de hoje (16/12)”.

É grave o estado do maranhense Maurílio, cantor do hit ‘S’ de Saudade, após 3 paradas cardíacas

Maurílio e Luíza

Sedado após sofrer três paradas cardíacas, o cantor sertanejo Maurílio, que forma dupla com Luiza, está em estado gravíssimo. Internado na UTI de um hospital em Goiânia, o maranhense natural de Imperatriz teve tromboembolismo pulmonar.

O artista, de apenas 28 anos de idade, se sentiu mal durante a gravação de um DVD. Por sorte, ele estava a 3 minutos do hospital o que “colaborou para que ele esteja vivo”, afirmou o médico Wandervan Azevedo.

Tromboembolia pulmonar é a uma obstrução dos vasos da artéria pulmonar, que causa um coágulo, provavelmente da perna, que pode ir para o pulmão, coração ou cérebro, bloqueando o fluxo do sangue nesses lugares. A doença é grave e a família pede orações.

Maurílio e Luiza são donos do hit ‘S de Saudade’ (veja abaixo). O maranhense tinha contato com a cantora Marília Mendonça, que morreu vítima de acidente aéreo no último dia 5 de novembro.

URGENTE: Ávine Vinny é preso após ameaçar a ex-mulher

Ávine Vinny

O cantor Ávine Vinny, dono do hit Coração Cachorro, foi detido nesta segunda-feira em Fortaleza (Ceará) após ser acusado de ameaçar de morte a sua ex-mulher, Karina Lusbin.

Segundo informações iniciais obtidas pela coluna LeoDias, Karina e o ex-marido discutiram por telefone quando ela teria sido ameaçada pela primeira vez. Assustada, a também cantora gravou toda a ligação e partiu para a Delegacia da Mulher em Fortaleza para registrar um boletim de ocorrência.

Já amparada pela delegada no local, Karina ligou mais uma vez para Ávine Vinny – na presença dos policias – e sofreu uma nova ameaça de morte. A polícia, então, se dirigiu para a casa do cantor ele foi levado para a delegacia, onde irá passar a noite. A prisão do cantor foi expedida de prontidão e ele já se encontra na prisão.

A coluna confirmou a prisão com pessoas próximas ao cantor, que garantem que Ávine não ameaçou a integridade física da ex-mulher, mas teria feito ameaças de tirar a guarda do filho que eles têm juntos.

Verba cai e Brasil pode ficar sem Censo pelo terceiro ano consecutivo

Foto Reprodução

CNN O Censo Demográfico 2022 poderá ficar sob risco mais uma vez.

O orçamento previsto no relatório setorial da Comissão Mista do Orçamento indica a transferência de apenas R$ 1.895 bilhão para a realização do Censo. O valor é quase meio bilhão a menos do que os R$ 2,3 bilhões que o IBGE estipulou como o necessário para que a pesquisa fosse realizada.

O relatório está previsto para ser votado nesta segunda-feira (13), a partir das 10h e, se aprovado, o Censo pode ficar pelo terceiro ano seguido sem ser realizado.

Em agosto deste ano, o Orçamento de 2022 que o Governo Federal enviou ao Congresso reservou R$ 2 bilhões para a realização do Censo do IBGE. No mesmo dia, o IBGE se manifestou e disse que o valor não era suficiente para a realização da pesquisa.

Em maio, o Supremo Tribunal Federal (STF) já havia determinado que a União deveria garantir a realização do Censo, tomando todas as medidas necessárias.

O relator da área de Economia, Trabalho e Previdência, senador Angelo Coronel (PSD-BA), disse à CNN que no orçamento enviado pelo Executivo já havia quase R$ 1,9 bi, montante inferior aos R$ 2,3 bi estimados como necessário.

Conforme o senador, os cortes feitos pelo relator-geral, o deputado Hugo Leal (PSD-RJ), atingiram o Censo em R$ 100 milhões.

Dessa forma, o corte já veio definido tanto na proposta original quanto pelo relator geral, que nas reservas de recursos destinou apenas 30 milhões para que o relator setorial atendesse toda a área temática de economia, que envolve o próprio Ministério da Economia, englobando o antigo planejamento, Fazenda, PGFN, Receita, Bacen, Dívida Pública, IPEA e IBGE”, explicou Coronel.

O Censo é realizado a cada dez anos, mas a última edição feita no Brasil ocorreu em 2010. Em 2020, a consulta foi adiada por causa da pandemia de Covid-19, e os recursos a ela destinados foram então deslocados para o combate ao coronavírus. No ano passado, no entanto, por falta de recursos, a pesquisa foi suspensa.

No início de setembro, o IBGE iniciou o primeiro teste preparatório para a realização do Censo de 2022, feito em Paquetá, na cidade do Rio de Janeiro. A ilha, situada na Baía de Guanabara, tem 1,3 mil domicílios e cerca de cinco mil moradores.

Procurado pela CNN para se manifestar sobre a proposta e orçamento abaixo do previsto, o IBGE, ainda não retornou.