Desvalorizados e sem reajuste, professores de São Luís protestam e fortalecem greve

Professores na Ponte do São Francisco

Professores de São Luís, em greve desde a semana passada, saíram em protesto pelas ruas da capital nesta segunda-feira (25).

A categoria rejeitou o reajuste ínfimo proposto pelo prefeito Eduardo Braide de 10,06 % enquanto os profissionais brigam pela atualização do Piso Nacional do Magistério, de 33,24% para professores do nível médio, e da repercussão em toda tabela salarial – com 36,56% de reajuste para todos com nível superior.

No manifesto de hoje, docentes foram até a Semed e, em passeata seguiram até a Câmara Municipal de São Luís.

Confira a seguir imagens dos professores em greve na Ponte do São Francisco.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>