Enquanto se briga por estátua mais uma empresa vai embora do Maranhão

Mineirão Atacarejo em São Luís

O Mineirão Atacarejo, empresa mineira administrada pela DMA Distribuidora vai encerrar atividades no Maranhão. e fechará as portas da única loja instalada em São Luís, inaugurada há pouco mais de um ano, até final deste mês.

Apesar de não confirmado pelo grupo, a política de preço na alíquota de ICMS pode ter resultado para o fechamento, uma vez que o Grupo Mateus possui diferencialmente no pagamento do imposto estadual. O benefício foi concedido pelo governo do Maranhão, na gestão de Flávio Dino.

Segundo informações não oficiais, a empresa empregava em torno de 200 pessoas e já vinha sem margem de lucro durante algum tempo. O prédio onde funciona o Mineirão Atacarejo pertence ao Grupo Carrefour que comprou o antigo Makro no final do ano passado. Possivelmente, com a saída do Mineirão, o local deverá abrigar uma das lojas do Atacadão ou Big Bom Preço, ambos do Grupo Carrefour.

No início da semana, a loja Zara, localizada no Shopping da Ilha, também anunciou o encerramento das atividades em São Luís.

E, enquanto muitos se mobilizam para tentar impedir que uma réplica da estátua da Liberdade seja instalada na Loja Havan, que será inaugurada no próximo mês na capital, muitos empreendimentos estão fechando as portas, deixando o Maranhão. E com vendas menores, e mais impostos, mais lojas passarão por dificuldades financeiras e muitas outras devem anunciar o encerramento de atividade no Estado.

Editado, com informações da Folha do Maranhão

4 comentários em “Enquanto se briga por estátua mais uma empresa vai embora do Maranhão”

  1. Lima

    10 meses atrás  

    Infelizmente é essa a diferença do governador da bela administração, onde favorece um e acaba com outros aos poucos com essa politica tributária. e ainda coloca o novo slogam Foi o governo que fez.( desemprego)

  2. 10 meses atrás  

    Não tenho nada contra a arte, muito menos contra os verdadeiros artistas, mas infelizmente me sinto envergonhado em ver uma suposta artistas que em potencial passou por dificuldades financeira por conta da pandemia e de repente levantar uma bandeira que vai levar centenas de pessoas a permanecem desempregados e um grande empreendimento que trará prosperidade para nosso está ir embora, simplesmente porque um punhado de esquerdista parasita que sobrevivi dos cabides governamentais não querem o símbolo da empresa seja colocando em frente ao prédio da empresa em terreno próprio em nossa Cidade que já foi rotulada do Jamaica Brasileira quando na verdade é nossa ilha do amor 🙏

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>