Grupo rebelde desmoraliza Flávio Dino e seguirá com Braide

Neto Evangelista em coletiva nesta quarta-feira (18) na Assembleia Legislativa

Em entrevista coletiva, realizada na manhã desta quarta-feira (18), na Assembleia Legislativa do Maranhão, o deputado Neto Evangelista (DEM), derrotado na disputa pela Prefeitura de São Luís no último domingo (15), declarou apoio irrestrito ao candidato a prefeito da capital, o também deputado Eduardo Braide (Podemos), no segundo turno das eleições 2020.

Junto com Neto seguiram os deputados federais Juscelino Filho (DEM), Gil Cutrim (PDT) e Pedro Lucas Fernandes (PTB), os deputados estaduais Roberto Costa (MDB), Glauberth Cutrim (PDT) e o presidente da Assembleia Legislativa Othelino Neto (PCdoB), além dos vereadores Marquinhos, Gaguinho, e o presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho.

O grupo foi batizado como REBELDE, uma vez que o governador Flávio Dino afirmou nos últimos dias que aqueles que não apoiam o candidato Duarte Jr (Republicanos), que disputará o segundo turno com Braide no próximo dia 29, estarão FORA DO GOVERNO.

Portanto, este grupo, cujo os integrantes se uniram e de forma afrontosa decidiram apoiar o candidato do Podemos, optou pela REBELDIA e vai bater de frente com o governador em guerra declarada já pensando na disputa estadual em 2022.

3 comentários em “Grupo rebelde desmoraliza Flávio Dino e seguirá com Braide”

  1. junior

    2 anos atrás  

    Parabéns a esse grupo, escolheram o lado certo.

  2. Roberto Ramalho

    2 anos atrás  

    Adorei a criação desse “grupo rebelde”, esse governador é prepotente e pretencioso e já não era sem tempo de um grupo se rebelar. Ele foi desonesto com todos pensando que dominaria a todos.
    Parabéns, quero apoiar esse grupo.

  3. 2 anos atrás  

    Votei no Neto por causa do Flávio Dino. Agora é Duarte, que não é trabalhador e não é investigado como o Braide é (veja Braide na folha as provas)

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>