Genro de prefeito de Pirapemas, Fernando Cutrim sofre mais uma derrota no TRE

Fernando Cutrim

Eleito prefeito no último dia 15 de novembro, em Pirapemas, Fernando Cutrim (Republicanos) sofreu mais uma derrota no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. O genro do prefeito Iomar Salvador, que permaneceu por oito anos como Secretário de Finanças do Município, terá seus votos anulados após decisão unânime da Corte Eleitoral que cassa definitivamente o registro de candidatura dele após várias tentativas em reverter derrotas sofrida antes.

É que dois dias antes do pleito já havia sido julgado e indeferido, também por unanimidade, o registro de candidatura dele por ser genro do prefeito Iomar.

Porém, de acordo com o TRE-MA, o juiz de base, da 68ª zona eleitoral, não fez acareação da testemunha Samantha Petra, esposa de Fernando Cutrim e filha do prefeito Iomar, o que não é permitido pela lei eleitoral, nem da síndica do condomínio, que o casal morou de 2017 a 2018, em São Luís. Por isso houve pedido de revisão da decisão.

Fernando teria forjado um divórcio para poder se manter no poder utilizando todos os recursos da máquina pública, usando a prefeitura para bancar a própria candidatura.

Após revisão, o Tribunal Regional Eleitoral cassou o registro de Cutrim, anulando assim os votos por ele obtidos na eleição em Pirapemas.

Resta agora ao genro do prefeito recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

2 comentários em “Genro de prefeito de Pirapemas, Fernando Cutrim sofre mais uma derrota no TRE”

  1. Antonio José Pereira Da Silva

    2 meses atrás  

    Eu so vou acreditar quando u segundo candidato estiver na prefeitura. Só assim posso dizer que se feiz justiça..

  2. ANTÔNIO OLIVEIRA DE CARVALHO

    2 meses atrás  

    A lei é clara parentesco com o gestor atual não é permitido. Mas lei tem brechas ,por isso eles estão manipulando a lei!!

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>