ACABOU A MOLEZA NO ESTADO! Todos servidores voltarão ao trabalho

Governador Flávio Dino
Governador Flávio Dino

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), alterou o Decreto n° 36.203, de 30 de setembro de 2020, que reitera o estado de calamidade pública em todo o Estado para fins de prevenção e enfrentamento à Covid-19, consolidando mais normas destinadas à contenção do novo coronavírus que entram em vigor a partir do dia 26 de outubro.

A partir desta data fica “autorizado o retorno às atividades laborais por todos os empregados, prestadores de serviço e servidores públicos
afastados”.

Os empregados, prestadores de serviço e servidores públicos que pertençam aos grupos mais vulneráveis, acaso necessitem se manter afastados de sua atividades laborais, em virtude de suas condições de saúde, deverão apresentar requerimento à empresa ou, no caso de servidores públicos, ao dirigente do órgão ou entidade a que esteja vinculado, acompanhado de atestado médico.”

Confira a íntegra: Alteração – Decreto nº 36.203, de 30 de setembro de 2020. Grupo de Risco.

5 comentários em “ACABOU A MOLEZA NO ESTADO! Todos servidores voltarão ao trabalho”

  1. Matias Costa Brito

    1 ano atrás  

    Meu nobre blogueiro desinformado, quem falou pra você que um dia de trabalho de um professor e constate essa moleza.

  2. Matias Costa Brito

    1 ano atrás  

    Seu Minard, não sei quem você é. Você também não sabe quem eu sou. Mas vou te informar. Trabalho numa escola que no segundo dia de isolamento social já estavam todos trabalhando com aulas não presenciais. Fato constatado e corroborado pelo governo do estado. Nunca trabalhei tanto em minha vida. Google classroom é Google meet que o digam. Agora vem você com essa manchete ridícula “acabou a moleza”. Investigue, pesquise o que estamos fazendo para poder falar com propriedade da situação dos funcionários públicos. Aliás, o mal da maioria dos blogueiros é arrotar bobagens sem observar a falta deverossimilhança das suas verborragias e acusar outrem sem se preocupar se a pessoa que você atinge está cumprindo o dever ou não.

  3. Wellyda

    1 ano atrás  

    Sr blogueiro
    Antes de mencionar a palavra “moleza” deveria antes ter uma certa noção do que o grupo de risco passa, como é a vida dessas pessoas e pq tiveram q ser afastadas. Se houve decretado afastando, é pq realmente elas n tinham condições de trabalhar em meio a pandemia, ainda mais num país subdesenvolvido que nem esse . No mínimo você teria que ter mais respeito a essas pessoas, você não conhece o trabalho delas, e muitas delas ( principalmente os profissionais de saúde ) adquiriram essas enfermidades foi cuidando da saúde dos demais.
    Use a mídia para ajudar e não para banalizar trabalhadores !

  4. Kaio Lopes de Lima

    1 ano atrás  

    Caro blogueiro, respeite nosso trabalho. Quando vc coloca em sua matéria que ” Acabou a moleza” você escancara a sua inépcia e falta de conhecimento de todo um esforço contínuo dos servidores públicos e profissionais que diuturnamente estão trabalhando para manter o estado funcionando. Em vez de criar fatos baseados em sua falta de conhecimento vá se informar antes de publicar bobagens e inverdades.

  5. Kaio Lopes de Lima

    1 ano atrás  

    Caro blogueiro desinformado, antes de publicar uma chamada chula e inveridica “Acabou a Moleza” procure se informar, vá pesquisar antes de tirar bobagens e inverdades de sua cabeça. Vc acha que as instituições pararam neste período, elas são geridas automaticamente? Na verdade nos estamos trabalhando diuturnamente, eu como professor passo o dia entre ministrar aulas, preparar aulas, desenvolver pesquisa e extensão além de atender aos alunos concluintes nos seus TCCS, estamos participando de discussões com vários setores, participando de várias capacitações e reuniões de planejamento, tudo isso dentro de nossas casas, onde tivemos que nos adaptar, muitas vezes pagando do nosso bolso por uma internet melhor. Nosso trabalho invadiu noss lar, expõe nossa privacidade para atender da melhor forma possível nossos alunos. É agora vem vc dizer que vai acabar a” Moleza”. Procure ter respeito pelo trabalho dos outros. Se informe antes de publicar injúrias e difamação.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>