PAPA FRANCISCO: para a Igreja Católica o aborto está perdoado!

Papa Francisco
Papa Francisco

Em caráter definitivo, o Papa Francisco autorizou, nessa segunda-feira (21), que todos os padres da Igreja Católica possam perdoar o aborto. Antes, somente bispos poderiam fazer isso. Com a decisão, quem fizer aborto – médicos e pacientes – não será mais excomungado pela Igreja.

Foi mais uma revolução de Francisco. Em uma carta apostólica, ele deu aos padres o direito permanente de absolver as pessoas que praticaram o aborto. O Papa decidiu que esta conduta anunciada para o Jubileu da Misericórdia deve continuar, mesmo depois do ano santo, que foi encerrado no domingo (20).

As palavras do pontífice foram: “Para que nenhum obstáculo interfira entre o pedido de reconciliação e o perdão de Deus, concedo a partir de agora a todos os sacerdotes, com a força do ministério deles, a faculdade de absolver os que cometeram o pecado do aborto”.

O documento pede que os casos sejam analisados não apenas pelas normas da Igreja, mas pela misericórdia e pela justiça divina. O Papa ressaltou que a misericórdia é um valor social, que deve devolver dignidade a milhões de pessoas e que ninguém pode impor condições à clemência divina, em uma resposta à ala integralista da Igreja, que não concorda com as suas opiniões e reformas.

Outro desejo que o Papa Francisco expressou na carta apostólica é que seja instituído o dia mundial dos pobres. No domingo, ele fechou a porta santa da Basílica de Pedro, que deverá ser reaberta só em 2025, mas afirmou que as portas do perdão e da misericórdia devem continuar abertas.

Em nota, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) disse que acolheu as orientações do Papa e disse que elas são mais um gesto misericordioso dele para todos os católicos. A CNBB disse que cada bispo, em sua diocese, passará as orientações necessárias ao clero e ao povo.

Do Jornal Hoje

3 comentários em “PAPA FRANCISCO: para a Igreja Católica o aborto está perdoado!”

  1. Alexsandro

    5 anos atrás  

    Somente Deus pode perdoar pecados. Quando Jesus foi crucificado na Cruz do Calvário o véu se rasgou indicando que o homem pode se achegar a DEUS em arrependimento genuíno e desta forma receber o perdão em nome de Jesus que é o nosso advogado diante de DEUS. Caso contrário o Perdão não será concedido e o Pecado continua a reinar na vida daquele que pecou.

  2. Bruna Mendes

    5 anos atrás  

    E O PAPA AGORA É DEUS?

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>