Jovem comete suicídio se jogando do 12º andar do Business Center em São Luís

Jovem se jogou do 11º andar do Business Center
Jovem se jogou do 11º andar do Business Center

Um fato lamentável marcou a tarde desta quarta-feira (25), véspera de feriado em São Luís.

Um jovem ainda não identificado recorreu ao suicídio se jogando pela janela do 12º andar do prédio Business Center localizado no bairro Jardim Renascença, área nobre da capital.

Até o momento ninguém sabe as causas do ato extremo cometido pelo rapaz. Mas ele estava no consultório psiquiátrico do Dr. Rui Palhano, naquele prédio. O Samu e o Instituto Médico Legal foram acionados e já encontram-se no local do ocorrido.

Em respeito à família, o Blog não vai postar a foto da vítima sem o invólucro do IML.

6 comentários em “Jovem comete suicídio se jogando do 12º andar do Business Center em São Luís”

  1. José

    3 anos atrás  

    Isso meu caro Minard,belo trabalho como um ser humano,falta de respeito e aumento da dor na família desse pobre rapaz.Certamente portador de Depressão.Que Deus receba sua alma e console seus familiares.E,abençõe vc por tão nobre gesto.

  2. alisson

    3 anos atrás  

    Suicidou-se antes? E se jogou? Alô minard…da uma editada ai meu nobre!! Abraço! !

  3. Fábio

    3 anos atrás  

    Grande Minard,como sempre ponderado nas postagens e prezando antes de tudo pelo respeito com o próximo.

    Máximo respeito pelo seu trabalho é nobre atitude!

  4. 3 anos atrás  

    Ja fui a esse lugar com um parente que tem depressão, e não sei pq tive uma impressão q isso um dia poderia acontecer.
    Esse consultório dele deveria ser no terrio.

  5. Osvaldo Aranha

    3 anos atrás  

    Fato lamentável,porem o inimigo (satanás) está destruindo famílias,e isso não está acontecendo somente com famílias da classe baixa…

  6. Instituto Ruy Palhano

    3 anos atrás  

    NOTA DE ESCLARECIMENTO

    O Instituto Ruy Palhano vem a público manifestar pesar e consternação acerca do ocorrido na tarde do dia 25/05/16, no edifício em que mantém uma clínica multiprofissional, no bairro Renascença, tendo em vista a completa distorção dos fatos veiculados na internet.

    Temos a informar que o paciente não estava em atendimento médico, pois apenas havia se credenciado junto à nossa recepção e saído das dependências da clínica, com a familiar que o acompanhava. O fato divulgado sequer foi presenciado por quaisquer de nossos profissionais.

    Sendo assim, não conhecemos detalhes das circunstâncias divulgadas, pois o paciente e sua familiar haviam se dirigido a uma lanchonete no térreo e todo o ocorrido se deu fora de nossas dependências, em áreas comuns de circulação do edifício.

    Por fim, entendemos que a exploração midiática de fatos como esses trazem mais dor aos envolvidos e de maneira alguma poderíamos expor qualquer condição psiquiátrica que eventualmente esteja relacionada à essa tragédia, em respeito aos familiares e ao sigilo médico profissional.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>