URGENTE: criança de Chapadinha pode não ter sido vítima de erro médico

Daniel ficou com o corpo completamente deformado
Daniel ficou com o corpo completamente deformado

O caso do menino Daniel da Silva Bastos, de 8 anos de idade, atendido no Posto de Saúde do bairro Areal em Chapadinha com dor de cabeça e febre pode não ser erro médico. A criança foi medicada com ibuprofeno e paracetamol e desencadeou uma reação alérgica grave. Conforme informações de enfermeiras que atenderam a criança no Hospital da Criança em São Luís, o menino pode ter desencadeado a Síndrome de Stevens-Johnson.

A Síndrome de Stevens-Johnson é uma reação alérgica grave, habitualmente após o uso de certos medicamentos, podendo atingir tanto adultos quanto crianças. A reação é imprevisível e ocorre por uma característica do sistema imunológico do indivíduo. Os sintomas aparecem após a administração do medicamento apresentando febre alta e erupções cutâneas podendo atingir a pele e mucosas. A pele fica com aparência de queimaduras e em casos graves pode levar à morte.

Os medicamentos mais comuns são os antibióticos, anti-inflamatórios não-esteróides, anticonvulsivantes e analgésicos. Os mais citados em estudos são amoxilina, penicilina, sulfonamidas, dipirona, paracetamol, ibuprofeno, piroxicam e os fármacos ditos como “medicamentos controlados”, como o gardenal.

De acordo com especialistas, a síndrome é rara e afeta indivíduos com predisposição à reações medicamentosas. Infelizmente não tem como saber se a pessoa é predisposta ou não, principalmente no caso de crianças.

O Blog Hospital de Base e o Blog do Minard fazem um alerta para o uso indiscriminado de certos medicamentos e a automedicação. E até mesmo o uso associado de fármacos como foi o caso do menino Daniel ao ser medicado tanto com paracetamol quanto ibuprofeno.

Do Blog Hospital de Base

Um comentário em “URGENTE: criança de Chapadinha pode não ter sido vítima de erro médico”

  1. Gleice

    6 anos atrás  

    Qndo vi as fotos dele , logo pensei nessa doença…já vi o caso de uma menina do Paraná…. é igual

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>